\ 800 Gondomar & Meatbodies // Musicbox /

\ 800 Gondomar & Meatbodies // Musicbox /

Se estavam a pensar ir até ao Musicbox beber um chá de camomila sentados no chão enquanto falavam com os amigos sobre o que se passou durante a semana e ouvir uma música calminha de elevador, bem, não foram no dia mais exato para o efeito... Passou um furacão entre as 22:30 e as 00:15 no mesmo local. Mas se trocaram o chá por uma cerveja, a música de elevador por malhas tocadas pela banda mais perigosa de Rio Tinto, por uma banda americana "B+ player" que não consegue chegar ao lugar de cabeça de cartaz (#bullshit) e por uns empurrões em vez de umas palavras, foram muito bem vindos. Quem é que não gosta de sair de concertos com aquele zumbido irritante nos ouvidos que vai durar até ao dia seguinte? Eu adoro quando isso acontece. Felizmente, os 800 Gondomar e os Meatbodies conseguiram completar tal proeza (viva aos malucos que querem ficar surdos!). Fico feliz porque todos os dias encontro novas bandas que renovam o que é rock de garagem e não o deixam morrer. Não só dentro mas também fora da nossa pequena praia lusitana. Em Portugal temos bandas, como exemplo (sem retirar mérito a outras bandas que não vou enumerar agora) as Pega Monstro, os 800 Gondomar (já vamos falar deles), os The Sunflowers e os Cave Story que não deixam morrer este tipo de estilo menos ouvido pela maioria das massas, mas que ao mesmo tempo, está a ter um aumento de fãs que procuram outro tipo de melodias das que passam muitas vezes na rádio/televisão mais mainstream.

E já que falamos de Portugal, vamos pegar nos nossos companheiros que abriram as festividades no Musicbox. Os 800 Gondomar vêm, não de Gondomar, mas de Rio Tinto que fica a uns 7 kms de Gondomar. Rio Tinto também fica no concelho de Gondomar (E com isto dei uma pequena aula de geografia e disse Gondomar 5 vezes. #themoreyouknow) São três os rapazes que comandam esta banda neste preciso momento, mas os Gondomar já foram 4 quando lançaram o seu primeiro EP homônimo. Já sem Diogo Nascimento; Rui Fonseca, Frederico Ferreira e Alô Farooq fizeram-se a estrada e foram espalhar a sua música por Portugal. Depois voltaram a Lisboa com o seu novo EP, Circunvalação.

800 Gondomar

Ainda com o Musicbox a encher, malhas explosivas e cruas começaram a ecoar pelo local e a força do furacão começou a aumentar. Deu para fazer o flip, abanar o esqueleto e para pedir mais para não ir para casa! Já com o pescoço quentinho, a malta já estava preparada para o Main Event da noite. Não seria um combate pelo título mundial ou um combate de mesas, escadas e cadeiras onde tudo é possível, mas parecido. Era a vez de os Meatbodies subirem ao palco e um F5 vinha a caminho.

Esta belíssima história de amor com muito suor, barulho e empurrões a mistura começou quando Chad Ubovich (que toca guitarra na banda de Mikal Cronin e é baixista em Fuzz), nos intervalos entre estes dois projetos, criou uma banda com o nome Chad and the Meatbodies. Tocaram alguns concertos e gravaram uma cassete. Da GOD?, editora indie de Ty Segall, a banda saltou para a In The Red Records, onde estão bandas como Black Lips, Thee Oh Sees e Fuzz e gravaram o seu primeiro longa duração. (Nada mau para uma banda "B+ Player") Vou tentar resumir o concerto porque estive mais tempo no papel de fã do que no papel de jornalista/Anthony Fantano.

Meatbodies

Os momentos mais raros do concerto:

-Pessoas paradas. -Pessoas tristes.

Os momentos não tão raros do concerto:

-Pessoas no ar. -Pessoas a empurrarem pessoas. -Pessoas a suarem. -Pessoas felizes.

Meatbodies

No final da noite, as pessoas pagaram o bilhete e receberam o que queriam e ainda mais um pouco. Algumas pessoas levaram mais nódoas negras e arranhões no corpo do que outras, mas todas saíram satisfeitas e de certeza que não vão pensar duas vezes numa próxima visita de Meatbodies a Portugal.

TODAS AS FOTOS DOS 800 GONDOMAR E DOS MEATBODIES!

texto de: Gonçalo Morgado || fotos de: Ana Viotti

Shopping with Fear of Men

Shopping with Fear of Men

Musicbox / Liveurope . Chapter 2: The Parrots

Musicbox / Liveurope . Chapter 2: The Parrots